terça-feira, 14 de agosto de 2012


Dataform: Fábio Henrique tem mais de 30 pontos de vantagem

Se as eleições fossem realizadas na quarta passada, dia 8, o prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Fábio Henrique (PDT), seria reeleito com 51,4% dos votos. Esse é o percentual da pesquisa realizada pelo Dataform – Instituto de Pesquisas, que foi publicada no jornal Cinform de hoje, dia 13. De acordo com os dados, Padre Inaldo (PC do B) teria 18% e Dr Gilson (PCB) ficaria com 3,1% das extinções de voto.

Somados os outros dois candidatos, Fábio Henrique tem uma forte liderança com vantagem de 30,3%. Conforme os dados da pesquisa estimulada do Dataform, realizada com 605 cidadãos socorrenses, que tem uma margem de erro de 4 pontos percentuais e registrada sobre o número 00015/2012, no cartório da 34ª Zona Eleitoral, 10,6% dos entrevistados não sabem ou não responderam, 9,8% votariam nulo ou em branco, e o  número de indecisos é de 7,1%.

Na pesquisa espontânea, quando não cita os nomes dos candidatos, novamente é apontada a vitória de Fábio Henrique com 39,8% dos votos, contra 29,6 % dos que não responderam, 11,4% de indecisos, 10,6% de Padre Inaldo, 7,6% de nulos ou em branco, Dr Gilson e Zé Franco atingiram 0,3%, e João Alves e Adelson Barreto ficaram com 0,2%.

Quanto à rejeição, em que o Dataform questiona se o eleitor jamais votaria num determinado candidato, Dr Gilson teve a rejeição de 25%, Fábio Henrique com 20,5% dos entrevistados e Padre Inaldo teve 18,2% que jamais votariam para ele.

Orgulho

Um dos dados que mais tem chamado à atenção é quanto ao orgulho de viver em Socorro. Devido às transformações em que passa, o município deixou de ser uma cidade dormitório, passou a ser gerador de empregos e destaque na região Nordeste. Isso fez com que a auto-estima dos socorrenses fosse elevada, isso resultou no fato que 79,2% dos entrevistados sentem orgulho de viver em Socorro, apenas 16,9% não esse orgulho e 4% não responderam.

Administração

Segundo a pesquisa do Dataform, a administração do prefeito Fábio Henrique é considerada “ótima” para 8,3%, “boa” para 47,9%, “regular” para 13,6%, “ruim” para 14,1% e “péssimo” para 13,2%. A soma dos conceitos “regular”, “boa” e “ótima” chega a 69,8%. Esses numeram reforçam a qualidade do atendimento prestado aos munícipes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário